Coronavírus: 140 vidas já foram perdidas em Betim por conta de Covid-19

0
1083
Logo no início do mês de agosto, o município disponibilizou 110 leitos de tratamento intensivo no Cecovid - 4. Foto: Prefeitura de Betim.

Recentemente, a cidade passou a permitir a abertura escalonada de comércios não essências; em todo município 3.620 pessoas que tiveram o diagnóstico confirmado para o novo coronavírus

De acordo com o último boletim disponibilizado nesta segunda-feira (17), pela Secretaria Municipal de Saúde, no município há 140 mortes por Covid-19 confirmadas e 3.620 pessoas já estão recuperadas dos sintomas da doença.

Ainda segundo os dados, na cidade já são 29.555 notificações de síndrome gripal, com 9.332 testados e descartados para Covid-19, e 3.620 os diagnósticos confirmados para a doença, sendo que 3.308 já estão recuperados e 130 em acompanhamento, destes 42 internados no SUS (residentes em Betim).

Em todo município já foram contabilizadas 140 mortes por Covid-19.

No município de Betim, desde o último dia 14, os estabelecimentos comerciais não essenciais estão permitidos a funcionarem de segunda a sábado, de maneira escalonada, das 10h às 16h, com limitação de acesso de pessoas aos locais.

A cidade segue inserida no projeto de recuperação de economia, o “Minas Consciente”, porém a prefeitura publicou o Decreto de número 42.299, no Órgão Oficial do Município no dia 13 de agosto, autorizando o funcionamento de academias, salões de beleza, feira shopping, camelódromos e shopping. Já as atividades essenciais, como supermercados, lotéricas, padarias e estabelecimentos ligados à saúde, entre outros, poderão funcionar todos os dias, em horário normal. A medida vale até o dia 29 de agosto.

Segundo a prefeitura, todos os comércios que estão com permissão para abrirem as portas, sendo essenciais ou não essenciais, devem obedecer às normas de biossegurança determinadas desde o início das ações da pandemia. Como distanciamento entre clientes, disponibilização de álcool 70%, o uso obrigatório de máscaras por todos que estão no local e o aviso prévio de lotação do comércio. Todas essas medidas estão presentes no Decreto 42.082.

O prefeito Vittorio Medioli informou que a alternância é necessária para evitar a aglomeração de pessoas nas ruas, nos comércios e no transporte público municipal, mas alertou que as medidas precisam da participação dos moradores. “Para que os comércios possam funcionar e os trabalhadores voltem a ter renda, a comunidade precisa colaborar no combate ao vírus”, enfatizou.

Revezamento

Deverão funcionar sob o regime de revezamento, nos dias pares 14, 18, 20, 22, 24, 26 e 28 de agosto de 2020, das 10h às 16h, as lojas de móveis e eletrodomésticos, academias, joalherias e relojoaria, perfumarias, livrarias, lojas de artigos de festas, de venda de colchões e de instrumentos musicais.

E nos dias ímpares 15, 17, 19, 21, 23, 25, 27 e 29 de agosto de 2020, podem funcionar lojas de roupas e calçados, clínicas de estética, pilates, salões de beleza, certificadoras digitais, docerias, tabacarias, lojas de artigos de esportes, de artigos religiosos e lan-house.

Mais detalhes sobre o decreto no site da Prefeitura de Betim.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here