Despedida: Nissan March sai de linha no Brasil

0
338
O utilitário hatch da Nissan é um dos motivos da montadora japonesa ter iniciado a produção em uma fábrica própria em Resende, no Rio de Janeiro, em 2014. Foto: Internet/ Divulgação.

Hatch chegou no país em 2011 e foi nacionalizado em 2014, porém a montadora acredita que a trajetória dele chegou ao final

Está se aproximando o fim do Nissan March no Brasil. A empresa japonesa anunciou que pretende encerrar a produção nacional do hatch compacto neste mês de setembro.

De acordo com o youtuber André Gessner, em uma reunião que estavam presentes diretores de concessionárias e representantes da Nissan foi acertado o fim da produção do March já nas próximas semanas. A revista Quatro Rodas, especializada no assunto, entrou em contato com a Nissan que emitiu a seguinte nota:

“Como parte natural do ciclo de vida do produto e para a adequação de sua capacidade de produção à realidade do mercado, a Nissan decidiu encerrar a fabricação do Nissan March em seu Complexo Industrial de Resende (RJ). A Nissan assegura que mantém inalterado todos os serviços de manutenção e reposição de peças para os proprietários das diferentes versões do modelo, que teve uma longa trajetória de sucesso no país”.

Trajetória

O utilitário hatch da Nissan é um dos motivos da montadora japonesa ter iniciado a produção em uma fábrica própria em Resende, no Rio de Janeiro, em 2014, unido à reestilização. Porém o veículo já estava no Brasil desde 2011, vindo importado do México.

Aqui, ele chegou sendo o primeiro carro popular na marca. Entretanto, não conseguiu fazer mais sucesso devido ao regime de cotas de importação, atualmente extinto, que impediu o modelo de alcançar maior popularidade. No ano de 2012, O limite – de dinheiro – de importação foi atingido cinco meses antes do fim daquele ano. O March, junto ao sedã Versa, sumiram das lojas quanto isso ocorreu.

À época, esses dois modelos estavam no auge. Hyundai HB20, Toyota Etios, Chevrolet Onix e o Ford K ainda não estavam no mercado. Logo depois, o Nissan March foi reestilizado e nacionalizado deixando para trás antigos concorrentes.

Agora, com o fim da linha voltada ao March, a estrutura de Resende será ocupada pela geração antiga do Versa, conhecido agora como V-Drive, e pelo Kicks, que ao que tudo indica será reestilizado no ano que vem.

Segundo informações do portal Autos Segredos, um SUV compacto de entrada baseado no visual do Magnite será lançado em 2022 para assumir o posto de carro de entrada da Nissan no Brasil.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here