Evento promove valorização do patrimônio cultural em São Joaquim de Bicas

0
354
Jornada contou com apresentações de dança, entre outros aspectos. Foto: Prefeitura de São Joaquim de Bicas.

Jornada foi na Praça da Matriz

Uma homenagem à cultura de São Joaquim de Bicas. Assim foi a 7ª Jornada do Patrimônio Cultural de Minas Gerais: “Culinária e Patrimônio”, realizada na cidade na noite de 14 de agosto. A iniciativa é feita em mais de 500 municípios mineiros, organizada pela secretaria de Estado de Cultura e Turismo. O evento contou com apresentações artísticas, roda de conversa e visita guiada.

De acordo com a secretária adjunta de Educação, Cultura e Turismo de São Joaquim de Bicas, Romilde Rodrigues de Oliveira Ferreira, a jornada é em comemoração ao dia do patrimônio cultural, em 17 de agosto. “O Estado convidou cada município a apresentar para os moradores a cultura local, promovendo um resgate desses elementos”, explicou.

O evento começou com uma visita guiada à Casa da Memória, localizada no centro histórico de São Joaquim de Bicas. Lá, alunos do ensino médio da Escola Estadual Professora Geralda Eugênia da Silva e moradores da cidade conheceram alguns objetos e ferramentas que compõem o patrimônio material do município.

Em seguida, eles foram para a Praça da Matriz, onde assistiram a apresentações de dança, folia de reis, cantigas de roda e da banda de música de São Joaquim de Bicas. Eles também participaram de um diálogo sobre as manifestações culturais da cidade.

Como o evento também teve o objetivo de valorizar a culinária local, para encerrar foram servidas quitandas típicas como biscoitos de polvilho e angu, broas de amendoim e de fubá, acompanhados de café e “queimadinha” (leite quente com açúcar queimado).

“A comunidade e os alunos participaram ativamente. Foi muito produtivo e mostramos a importância de valorizar nosso patrimônio”, salientou Romilde Ferreira.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here