Clique aqui para acessar o site da Revista Mineração.

 

Igarapé
Folha Vale do Paraopeba

História

A atual cidade de Igarapé teve suas bases iniciais de ocupação do território no "garimpo de ouro" no distrito de São Joaquim de Bicas. Por volta de 1830, já existiam pessoas vivendo no local que seria mais tarde conhecido como Barreiro e, posteriormente, a cidade de Igarapé. Em 1880, quando o distrito de São Joaquim de Bicas entrava na sua fase de florescência, com a igreja, vigário e até Cartório de Paz, o Barreiro era constituído apenas por fazendas e fazendeiros, mas só em 1894 foram encontrados arquivos que documentavam sua existência.

Em 30 de julho 1931, o Barreiro foi transformado em distrito e passou a chamar-se Igarapé, pertencente ao município de Pará de Minas. Em 1938, passou a pertencer ao distrito de Mateus Leme. Com a luta iniciada por Miguel Henriques da Silva e outros em 1958, em prol da emancipação política do município, os moradores do distrito puderam festejar em 30 de dezembro de 1962, a criação do município de Igarapé. No dia 1º de março de 1963, o município de foi oficialmente instalado, em sessão solene, realizada sob a presidência de Murilo de Oliveira.

  

Principais Dados:

Localização: Região sudeste da zona metalúrgica, tem como ponto mais alto, a Pedra Grande,
a 1.434 metros de altitude.

Distância de Belo Horizonte: 50 km.

Municípios Vizinhos: São Joaquim de Bicas, Mateus Leme, Juatuba, Betim e Brumadinho.

Extensão Territorial: 110,08 km².

Principais cursos d’água: Rio Paraopeba.

Principais rodovias: BR-381.

População: :34.879 habitantes (Censo 2010)

Atual prefeito: José Carlos Gomes Dutra, "Kalu" – PPS (2009-2016)

Eleitorado: 23.265 (TRE Novembro 2010)

  

Prefeitura Municipal de Igarapé:

Endereço da Prefeitura: Av. Governador Valadares, 325, Centro – CEP: 32.900-000

Telefones: (31) 3534-5348

Portal: www.igarape.mg.gov.br

PUBLICIDADE