Painéis promovem sensibilização ambiental

0
171
Pinturas chamam a atenção de quem passa pelo local. Foto: Anselmo UBL.

Pinturas foram feitas na avenida Edméia Mattos Lazzarotti em outubro e chamam a atenção de quem passa pelo local

A prefeitura de Betim, por meio da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável (Semmad), modificou a paisagem na avenida Edméia Mattos Lazzarotti, próximo à prefeitura, com dois painéis pintados pelo artista plástico Nilo Zack, como evento de sensibilização ambiental.

O espaço foi modificado em outubro e chama a atenção de quem transita por lá. Os painéis foram grafitados com imagens que retratam duas crianças interagindo com elementos da natureza; um coelho e um mico leão dourado. O objetivo é promover a sensibilização ambiental por meio da arte, transformar espaços e oferecer bem-estar para a população.

Obras são de autoria do artista Nilo Zack. Foto: Anselmo UBL.

“A arte e suas expressões são instrumentos de sensibilização. E a ideia é exatamente essa: transformar espaços, promover o belo, trazer bem-estar para a população e, a partir daí, despertar a consciência ambiental”, afirmou o secretário da Semmad, Ednard Tolomeu.

Educação Ambiental

Em Betim, o programa Sementes do Bem é uma ação da Semmad, em parceria com a Secretaria Municipal da Educação (Semed) e a Fundação Artístico-Cultural de Betim (Funarbe). Com um viés lúdico, as atividades fomentam desde a interatividade das crianças com o meio ambiente até a mobilização socioambiental, feita porta a porta por agentes treinados pelos educadores ambientais do município.

O intuito é aprender diferentes formas de motivar as crianças sobre a educação ambiental e descobrir quais ferramentas são capazes de atingir o maior número de pessoas por meio delas.

O “Sementes do Bem” tem três eixos: ensino infantil, fundamental e a mobilização socioambiental. Por meio de oficinas pedagógicas, brincadeiras e trilhas ecológicas, os profissionais trocam experiências e propõem projetos para serem desenvolvidos junto aos alunos.

“As crianças são os nossos vasos repletos de terra vegetal, produtiva e saudável. Neles estamos plantando as sementes de cidadãos ambientalmente responsáveis, para que, muito em breve, tenhamos em Betim uma sociedade que pensa de maneira sustentável”, ressalta o secretário Ednard Tolomeu.

O artista

O artista mineiro Nilo Zack é o criador das figuras que já fazem parte da paisagem de Betim. Possui mais de 25 desenhos estampados em diversos pontos de Belo Horizonte. Nilo é formado em Cinema de Animação e Artes Digitais pela UFMG e também cursou cinema em Portugal. Há nove anos se dedica unicamente às artes visuais.

Na mostra “Sentimentos de um niilista”, que está em cartaz no Museu Mineiro, o artista apresenta 33 trabalhos em spray sobre tela, que retratam o “menino-palhaço” e outras personagens, além de obras influenciadas pelo impressionismo e o expressionismo. Morador do Taquaril, na Zona Leste de BH, ele começou a colorir as ruas sem imaginar que se tornaria uma referência no grafite da capital mineira. Ainda que haja diversas leituras sobre o seu trabalho, uma coisa é certa: o desenho não passa despercebido pelos olhos de quem vê.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here