Prédio tomba em Betim e traz risco para casas ao redor; 15 famílias estão desalojadas

0
1032
Representantes da Procuradoria-Geral do Município reuniram com o advogado da Construtora Abrahim Hamza Construções Eireli, responsável pela obra. Foto: Divulgação/ Defesa Civil de Betim.

Apenas um imóvel vizinho foi atingido por tijolos e entulhos que se desprenderam da propriedade que está em fase de construção

Um prédio de seis andares, no bairro Ponte Alta, tombou na madrugada de hoje (18), e corre sério risco de desabar por inteiro a qualquer momento. Segundo a Defesa Civil de Betim do município, 15 famílias vizinhas ao imóvel foram retiradas das casas por questões de segurança à vida. Pela manhã, o Corpo de Bombeiros estava no local junto ao órgão civil, a Guarda Municipal e a Polícia Militar. 

Após o ocorrido, militares estão sinalizando o local para evitar trânsito de pessoas. Foto: Divulgação: Polícia Militar.

De acordo com as últimas informações, apenas uma casa vizinha foi atingida por tijolos e entulhos que se desprenderam do prédio na hora do tombamento. Após o ocorrido, militares estão sinalizando o local para evitar trânsito de pessoas. No primeiro momento, as famílias, donas dessas casas, foram acolhidas por parentes e amigos.

“A prefeitura segue atuando efetivamente no primeiro acolhimento aos atingidos. Uma assistente social esteve no local e providenciou água e refeição para quatro famílias, totalizando oito pessoas, que estão acompanhando o trabalho da Defesa Civil. As famílias desalojadas estão sendo cadastrados neste momento,” disse a administração municipal, em nota.

De acordo com as últimas informações, apenas uma casa vizinha foi atingida por tijolos e entulhos que se desprenderam do prédio na hora do tombamento. Foto: Divulgação /Defesa Civil.

Ainda de acordo com a gestão da cidade, na tarde de hoje (18), representantes da Procuradoria-Geral do Município reuniram com o advogado da Construtora Abrahim Hamza Construções Eireli, responsável pela obra. “A prefeitura exigiu que a empresa realoque as famílias imediatamente, sob pena de acionar judicialmente a empresa”, informaram.

Foi requerido, também, que a construtora faça a demolição do prédio, conforme recomendação da Defesa Civil.

Nesta última noite (18), caiu em Betim 75 mm de chuva, concentrados em pouco mais de 1h. Foto: Divulgação / Defesa Civil.

A Secretaria Municipal de Ordenamento Territorial e Habitação informou que a obra estava devidamente licenciada, possuía Alvará de Construção, Licença Ambiental e responsável técnico cadastrado nos órgão responsáveis.

Chuva intensa

Ainda segundo a Defesa Civil, nesta última noite, caiu em Betim 75 mm de chuva, concentrados em pouco mais de 1h. O que resultou em 20 chamadas recebidas. Dessas, 7 já foram atendidos e os demais foram acolhidas pela manhã.

Também foram registrados pontos de alagamento e transbordamento de córregos nas avenidas Juiz Marco Túlio Isaac e Edméia Matos Lazzarotti, queda de um muro e de árvores e invasão de água em residências nos bairros Sítio Poções e Icaivera.

Desde o início da última madrugada, os níveis do rio Betim e do riacho da Areias estão normalizados e seguem sendo monitorados. A Defesa Civil também monitora a barragem Várzea das Flores que está abaixo do limite e não oferece risco.