Após reformas, Igreja de São Sebastião será reaberta neste domingo (13) em Betim

0
1016
Foto: Guga Riberio / Prefeitura de Betim

A construção é considerada o marco inicial da urbanização da cidade

Situada no bairro Novo Amazonas, a Igreja de São Sebastião será reaberta a partir das 10h deste domingo (13). A construção é considerada o marco inicial da urbanização de Betim por muitos historiadores. O local passou por diversas reformas de restauração e preservação. Na reabertura, será celebrada uma missa especial.

Dentre as obras realizadas na igreja estão a contenção das paredes para cessar a infiltração, execução de manutenção elétrica e pintura, além de construção de calçada no entorno da edificação para impedir o acúmulo de água. Toda a fachada, portas e parte interna receberam pintura nova.

A Capela de São Sebastião do bairro Amazonas é um patrimônio histórico de Betim. Considerada marco inicial da urbanização da região que, antigamente, fazia parte da Fazenda Batatal. O edifício foi erguido na década de 1940 e conta com traços de inspiração barroca e neogótica.

Sua construção, proposta por iniciativa da população local segundo relatos, é classificada como arquitetura vernacular — que significa que os materiais utilizados são naturais da região. A versão mais citada pelas fontes é que a construção da igrejinha teria sido feita como forma para pagar uma promessa feita pelo então dono do terreno: para que seu filho voltasse da Segunda Guerra Mundial.

O secretário municipal de Arte e Cultura, Gê Rodrigues, destaca os esforços da gestão para valorizar toda a importância histórica que a capela tem para a comunidade. “Por isso, a Secretaria Municipal de Arte e Cultura se empenhou para garantir a preservação desse bem e foi em busca de parcerias com outras pastas para viabilizar a reforma, como a Ecos, que realizou todo o projeto e colocou a mão na massa. Contamos agora com a comunidade para que contribua com a preservação da igreja”, disse.