Projeto do trem turístico de Brumadinho é apresentado à Vale

0
1383
Ministro Marcelo Álvaro Antônio e diretores da Vale em reunião sobre o trem turístico. Foto: Roberto Castro/ MTur.

Locomotiva ligará o município a Belo Horizonte e poderá transportar até 1.400 passageiros por viagem

O projeto do trem turístico que irá ligar Brumadinho a Belo Horizonte foi apresentado à Vale pelo ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio, nesta quinta-feira (1º). A locomotiva passaria pela ferrovia já existente entre as duas cidades, em um trajeto de 52 quilômetros de distância, cuja concessão é da empresa MRS Logística. A viagem deve durar em torno de 1h20. O investimento será custeado pela iniciativa privada.

Segundo o ministro, Marcelo Álvaro Antônio, a iniciativa poderá contribuir para o desenvolvimento de Brumadinho, que foi seriamente afetada na economia e no turismo após o rompimento da barragem da mineradora, no dia 25 de janeiro. “Esse trem poderá transportar até 1.400 passageiros por viagem, desenvolvendo o setor e a economia local com o surgimento de novos serviços e demais atividades ligadas ao turismo”, destacou.

De acordo com informações divulgadas pelo Ministério do Turismo (MTur), os diretores de Relações Governamentais e Internacionais da Vale, Luiz Ricardo Medeiros e Antônio Lannes, estiveram no encontro e reforçaram o apoio e a parceria com a pasta para a execução de projetos que ajudem a reestruturar a cidade.

No caso do trem turístico, a parceria será coordenada pelo MTur e apresentada aos demais envolvidos no projeto, que é originário da ONG Apito e foi incorporado pelo Ministério.

O trem passará pelo Inhotim, que tem sido seriamente afetado após o desastre. O local é o maior museu de arte contemporânea a céu aberto do mundo e chegou a receber até três mil visitante por dia antes da tragédia.

Ainda não há previsão de quando o projeto será executado.