Escola Municipal Josefina Macedo Gontijo não será fechada, diz Prefeitura de Betim

0
229
Foto: internet/divulgação

Instituição possui mais de 30 anos de história

A informação de que a Escola Municipal Josefina Macedo Gontijo, localizada no bairro Ingá, seria fechada para ceder o espaço para abrigar a sede do 33º Batalhão da Polícia Militar deixou os alunos, pais e funcionários da instituição preocupados nos últimos dias.

A instituição de ensino possui mais de 30 anos de história e atende alunos do 1º ao 9º ano do ensino fundamental. Hoje, ela possui cerca de 1050 alunos.

De acordo com informações, representantes da Polícia Militar chegaram a fazer visita á instituição. A comunidade escolar realizou nesta segunda-feira (27) atos de manifestação contra o fechamento da escola.

Em uma audiência pública realizada, através da solicitação do vereador Cláudio Fernandes, o “Claudinho”, a Prefeitura de Betim disse que não fechará a escola para abrigar o estabelecimento da PM.

O que diz a população

Segundo Arlem Magno, pai de aluno, “é um sentimento de desprezo. Não fomos ouvidos em momento nenhum. Temos filhos e filhas que já formaram e estão se formando aqui nessa escola”.

Uma das maiores preocupações dos pais e responsáveis é que até ontem não haviam sido convocados para fazer a rematrícula das crianças e adolescentes na instituição.

Suzana Pires Aguiar, avó de uma aluna, se preocupa em como os estudantes se deslocarão para outras as instituições, sendo que estas estão um pouco distante de onde eles moram. “Quem vai custear a ida dessas crianças? Nós temos crianças pequenas que não conseguem ir sozinhas”, diz. Ela ainda elucida que “a revolta é que é uma escola com prêmios, referência no município. Não conseguimos entender o porque desse fechamento.

O que diz a prefeitura

Em nota a prefeitura negou a possibilidade de alocar a sede do Batalhão da PM na escola e ainda ressaltou que o calendário escolar 2022 seguirá conforme o cronograma.

Veja na íntegra:

Diante dos boatos referentes à Escola Municipal Josefina Macedo Gontijo, informamos que não há, por parte da gestão municipal, a possibilidade e intenção de alocar o posto do Batalhão da Polícia Militar na referida escola.

Esclarecemos que, em conjunto com a Polícia Militar de Minas Gerais, estamos em busca de uma solução definitiva para implantação da sede do Batalhão, mas que, em nenhum momento, o local destinado a esse fim foi formalizado ou confirmado.

A prefeitura tranquiliza a comunidade escolar, profissionais da educação, pais e alunos, e informa que seguiremos normalmente com o calendário escolar de 2022.