Leitos de terapia intensiva para pacientes com covid em Betim está funcionando em novo local

0
666
Foto: PMB

O Centro de Cuidados Intensivos para covid-19 de Betim (Cecovid Betim) foi transferido para um novo local. A unidade (Cecovid 4), que estava instalada desde abril de 2020 no prédio do Centro Materno-infantil, está funcionando, desde segunda-feira (27), em um salão próprio dentro do Hospital Público Regional de Betim (HPRB).

O novo local, chamado Cecovid 5, tem capacidade para 26 leitos de UTI e, inicialmente, 10 estão ativos. Os pacientes que estavam internados no Cecovid 4 foram transferidos já nesta segunda-feira (27), sem intercorrências.

O Cecovid 5 foi instalado no antigo salão de hemodiálise do HPRB, cujo serviço foi transferido para o antigo Betim Shopping. O local passou por uma reforma e foi todo adequado para receber os leitos de UTI, como a troca e ampliação da tubulação de gases medicinais, da parte elétrica e hidráulica, instalação de ar condicionado, reforma e adequação dos banheiros.

O Cecovid 5 conta com 26 leitos de UTI com equipamentos de última geração, com ambiente todo climatizado, com uma ala isolada com oito leitos e dois leitos individuais de isolamento. Conta ainda, com cinco leitos preparados para pacientes que necessitem de diálise no leito, área administrativa e de apoio técnico.

Segundo o secretário municipal de saúde, Augusto Viana, o Cecovid 4, instado desde abril de 2020 no prédio do Centro Materno-infantil, foi uma das principais ações da Prefeitura de Betim no combate à pandemia do Coronavírus. A unidade tinha capacidade instalada para receber até 170 de UTI para o atendimento de pacientes com quadro grave da covid-19. ”No pior momento da pandemia o Cecovid 4 chegou a ter 130 leitos de UTI ativos, com 96% de ocupação.

“Hoje, conseguimos virar mais uma das páginas do enfrentamento à covid-19. Com o avanço da vacinação contra a covid-19 e a consequente redução dos casos graves da doença no município, foi possível transferir o Cecovid para o novo local e liberar o espaço para inauguração do Centro Materno-infantil,” afirmou o secretário.