Onda Roxa: confira o que abre e o que fecha em Betim, Igarapé e São Joaquim de Bicas

0
748
Na fase roxa do Minas Consciente comércios não essenciais que estavam permitidos a funcionar, como academias e cultos religiosos, terão que suspender as atividades por 15 dias. Foto: Agência Minas.

Cidades mineiras iniciam o dia com restrições e ações sobre a nova fase do Minas Consciente

A “Onda Roxa” começou a funcionar em Betim, Igarapé e São Joaquim de Bicas nesta quarta-feira (17), assim como nos outros 850 municípios de Minas Gerais. Anteriormente, a fase mais restritiva do programa de recuperação econômica do Estado, o Minas Consciente, havia sido aplicada apenas nas regiões Norte, Noroeste, Triângulo do Norte e Triângulo do Sul.

Na terça-feira (16), devido ao aumento de casos e ocupação de leitos em MG, o governador Romeu Zema (Novo) confirmou estender a fase roxa em todo estado mineiro. “Estamos aqui hoje para tratar de uma questão que, há um ano, tem causado transtorno e tristeza a toda a sociedade. O sistema de Saúde de Minas Gerais entrou em colapso. Ou seja, o número de pessoas que demandam cuidados médicos é maior que a capacidade de atendimento”, alertou Zema.

Nos próximos dias, os comércios não essenciais que estavam permitidos a funcionar, como academias e cultos religiosos, terão que suspender as atividades por 15 dias, tempo previsto inicialmente para a duração da nova fase. Além disso, bares e restaurantes estão expressamente proibidos de venderem bebidas alcoólicas para consumo no local.

Fonte: Agência Minas

Os serviços essenciais que estão com permissão para funcionar neste intervalo de duas semanas incluem setores de alimento, como supermercado, sacolão e padaria. Bares e restaurantes somente com entrega delivery, sem opção de retirada no local.

Serviços da saúde, como farmácia, laboratórios e clínicas veterinárias. Bancos, agências lotéricas, posto de gasolina, depósitos de construção, lavanderias, agências de venda e locação de carros e oficinas mecânicas e de auto peças estão entre os estabelecimentos que podem funcionar.

As novas regras para conter a proliferação do vírus também impõe medidas como a restrição e circulação de pessoas entre 20h até às 5h, a volta de barreiras sanitárias, proibição de eventos públicos e privados, de qualquer natureza, e também proíbe reuniões presenciais. Além de proibir também a circulação de pessoas sem máscaras e com sintomas de gripe.

Betim

No primeiro dia da nova onda, a cidade de Betim amanheceu com poucos comércios não essenciais abertos, e com pouquíssimas pessoas circulando pelas ruas da região central.
O prefeito Vittorio Medioli (PSD) anunciou nas redes sociais ontem (16) que, apesar de não concordar com o fechamento total dos comércios, iria cumprir com as determinações do Estado.

A partir de agora, o atendimento presencial pela administração municipal está suspenso, dentre outras restrições do decreto 42.602, publicado no Órgão Oficial do Município nessa terça-feira.

“Depende muito da responsabilidade de cada um de nós não apenas assumir as normas, mas também ser portador de conselhos e cuidados. Olhar para dentro de casa, para amigos e para qualquer pessoa que vocês encontram desrespeitando as normas de biossegurança”, afirmou Medioli.

Durante a live, Medioli fez um apelo aos gestores. “Peço encarecidamente que não haja demissões. Segure essas pessoas. Nós faremos de tudo para que haja uma flexibilização e não se perca emprego. A perda de emprego é uma calamidade, nós não podemos aceitá-la, por isso pedimos a colaboração dos empregadores, porque no mês de abril receberemos a vacina e teremos o retorno à normalidade”.

Igarapé

Em Igarapé, assim como já foi descrito na matéria, supermercados, lanchonetes e padarias podem vender produtos, mas sem permitir consumo no local. Açougue, peixaria, sacolão, depósito de construção, clínicas veterinárias e petshops, oficinas e borracharias, concessionária e revendedoras de veículos de qualquer natureza e distribuidora de água mineral podem funcionar até às 20h.

Vale lembrar que a máscara de proteção deve ser utilizada sempre pelo cidadão ao procurar esses serviços. E os locais devem cuidar de toda biossegurança do cliente e funcionário, como limitar a quantidade de pessoas no local, aferir a temperatura e disponibilizar álcool em gel 70% para higienização das mãos.

Já os serviços que podem funcionar após às 20h, em Igrrapé, são: serviços de delivery de qualquer natureza, serviços de saúde, caixas eletrônicos, distribuidora de gás, assistência técnica e assessoria jurídica. Na cidade, os templos religiosos ainda podem funcionar com distanciamento de 3 metros entre as pessoas.

De acordo com o executivo municipal, a maioria dos serviços públicos estão funcionando de forma remota. A medida foi implantada em atendimento ao Decreto Municipal n° 2.506/2021 e às determinações do Programa Minas Consciente.

Desta forma, o decreto também suspende os prazos em todos os processos administrativos em tramitação na administração, tais como tributários e disciplinares. A suspensão não se aplica, contudo, aos processos licitatórios.

São Joaquim de Bicas

Na cidade vizinha de Betim e Igarapé, ocorreu nesta manhã (17) a primeira Blitz Sanitária do ano, em cumprimento ao Decreto Estadual que incluiu a cidade na “Onda Roxa”, para controle da pandemia do coronavírus.

Agentes da Secretaria Municipal de Saúde e Vigilância Sanitária, com o apoio do setor de Fiscalização Municipal e Polícia Militar, orientam motoristas e passageiros sobre a importância do cumprimento das medidas estabelecidas no decreto. Foto: Prefeitura de São Jm de Bicas.

Durante a ação, agentes da Secretaria Municipal de Saúde e Vigilância Sanitária, com o apoio do setor de Fiscalização Municipal e Polícia Militar, orientaram motoristas e passageiros sobre a importância do cumprimento das medidas estabelecidas no decreto, além da distribuição de máscaras, material educativo e aferição de temperatura corporal.

Os serviços na prefeitura estão ocorrendo de forma reduzida, evitando a circulação e entrada de pessoas no prédio público. O acesso ao interior do estabelecimento é permitido apenas para funcionários.

A administração municipal de São Joaquim de Bicas orienta ao cidadão que entre em contato com a Secretaria ou Departamento de interesse, por telefone ou e-mail, antes de se deslocar para ser atendido presencialmente, evitando, dessa forma, a circulação desnecessária de pessoas pela cidade.