Reforma do Museu Luiz Verganin, na Colônia Santa Isabel, entra na reta final

0
204
Início das obras, em 2018, antes do espaço ser alvo de vandalismo. Foto: Getúlio Moraes / Arquivo pessoal.

Trabalhos devem ser concluídos em até 30 dias

Os trabalhos de reparação do Museu Luiz Verganin, na Colônia Santa Isabel, estão em fase final de execução. O local, dedicado à preservação da memória da hanseníase e dos ex-pacientes que ainda moram ou moraram na região, foi alvo de vandalismo e vem sendo revitalizado. A previsão é que os trabalhos sejam concluídos nos próximos 30 dias.

“Encontramos o espaço muito danificado. Telhas e vidros quebrados, a parte elétrica havia sido furtada e chegaram a colocar fogo em parte da edificação”, relatou a presidente da Empresa de Construções, Obras, Serviços, Projetos, Transportes e Trânsito de Betim (Ecos) Marinésia Makatsuru. “Diante disto, refizemos toda a parte elétrica do museu, recuperamos as calhas de drenagem, o sistema hidráulico, instalamos novos postes de iluminação, vidros, guarda-corpo, troca do telhado, pintura externa e interna, construímos passeios ao entorno da edificação e, para garantir que todos possam utilizar o espaço sem nenhuma dificuldade, instalamos rampas de acessibilidade”, explicou.

De acordo com o gerente da regional Citrolândia Marcus Valle, a obra é importante para resgatar a história da comunidade da Colônia Santa Isabel. “O museu, localizado nas antigas ruínas da Colônia, é um grande marco na história desta comunidade. Recuperar este espaço para os moradores é manter a história deles viva. Estamos muito felizes com o resultado”, disse.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here