Concessionária da Fernão Dias investe R$ 4,8 milhões em obras em Betim

0
391
Obra tem investimento de R$ 4,8 milhões, e teve início neste mês de agosto, sendo executada em formato de agulha, com entradas e saídas para a rodovia. Foto: Arteris/ Reprodução.

Entre os principais benefícios da intervenção está o ganho de mobilidade para os moradores do bairro São João

Os motoristas terão mais segurança e agilidade na BR-318 à disposição. Isso porque a Arteris Fernão Dias, concessionária que administra os 562 quilômetros da rodovia entre Contagem e Guarulhos, está construindo quatro segmentos de ruas laterais na região do Contorno de Betim, entre o km 1,5 e o km 3,5, nas pistas sentido Belo Horizonte e sentido São Paulo.

De acordo com a empresa, a obra tem investimento de R$ 4,8 milhões, e teve início neste mês de agosto, sendo executada em formato de agulha, com entradas e saídas para a rodovia. Entre os principais benefícios dessa intervenção está o ganho de mobilidade para a região. Principalmente para os moradores do bairro São João, que terão mais facilidade tanto para acessar a BR-381, quanto para adentrar à regional PTB.

Segundo uma nota da concessionária, todas as obras realizadas pela Arteris Fernão Dias trazem como prioridade a segurança dos usuários da rodovia e dos trabalhadores, além de moradores do entorno. Dessa maneira, antes do início da movimentação de máquinas, os colaboradores passam por integração e treinamentos de segurança viária e do trabalho garantindo, assim, que todas as tarefas sejam desenvolvidas dentro dos padrões de segurança exigidos pela empresa. Toda intervenção terá duração estimada de seis meses.

“Nossa preocupação com a segurança de quem trafega pela BR-381, vive no entorno e de quem trabalha e cuida da rodovia é diária. Esta obra é muito aguardada pelos moradores da região e estamos ansiosos para concluir mais esse projeto”, destaca a diretora de operações da Arteris Fernão Dias, Márcia Fragoso Soares.

Trecho em obras

O trecho do Contorno de Betim estará devidamente sinalizado, indicando aos motoristas possíveis interdições de faixas e limite de velocidade permitido. Caso haja a necessidade de bloqueios de tráfego para movimentação de máquinas e trabalhadores, essa atividade será realizada preferencialmente no período noturno, com toda sinalização necessária sendo sinalizada indicando as rotas alternativas para que o usuário possa seguir viagem